Qual é a sua história?

Olá, outro artigo, uma nova oportunidade de dialogar com você, leitor. No artigo anterior, escrevi sobre a necessidade de selecionar o que entra em nossas vidas. Neste, trago uma nova reflexão, pois ouvi uma frase que me tirou totalmente da minha zona de conforto e quero compartilhar com vocês: “Qual é a minha história?”. 

Confesso, que esse questionamento, por dias, não sai da minha cabeça. Qual é a minha história? Que história estou construindo? E aí, veio aquele insight! Essa é a minha vida! Essa é a minha história! E não posso permitir que outros desenhem o curso dela.

Lembrei que, muitas vezes, escuto questionamentos das pessoas que não sabem por onde começar quando estão com a vida desalinhada. Então, vamos lá, comece se questionando, fazendo uma desconstrução no seu eu interior. E, que possa a partir daí, enxergar por onde deve iniciar para que sua vida tenha um norte. É claro, que, apenas questionamentos não fazem sentido. É preciso compreender sua fala interior: que ela desperte você!

A vida, a história que você está construindo advém das suas atitudes, dos seus relacionamentos e das suas crenças. Então, está feliz com o que vê e com o que sente? Suas atitudes estão contribuindo para que você concretize seus projetos? Nessa linha que estou descrevendo, seus pensamentos, suas decisões, suas ações, se materializam e o resultado disso é a sua vida, é a sua história. Você merece ser feliz. Acredito que um dos maiores propósitos da vida é sermos felizes, para isso, é preciso desconcertar o que não estiver bem, além de fazer um novo arranjo nas áreas da nossa vida que precisam se alinhar. E lembre-se: é a sua vida, é a sua história. Dê para ela um significado que te deixe feliz, que você tenha orgulho de si mesmo ou de si mesma. Na sua história compartilhe amor, seja onde for. Tenha um propósito e realização. Para isso, você precisa ter foco e comprometimento com você. É o seu contrato para projetar seu novo destino. Sua história tem que ser verdadeira, você pode, você consegue. Pense na sua saúde, na sua família, na sua vida financeira, nos seus diferentes relacionamentos, tudo faz parte da sua vida e aí está a sua história. Não permita que ela seja uma mentira, não permita sofrimentos. Procure o que te traz paz, sua história é essa, é agora. Assim como você, estou escrevendo minha história, comecei pela minha vida profissional, busquei realizar alguns projetos que há muito tempo eu vinha adiando. No caminho, descobri novos projetos e nessa busca pelo meu eu interior, continuo investindo tempo e estudos na minha vida profissional.  Também estou cuidando da minha saúde, outra área que deixei de lado por um longo período, porque eu dizia que não tinha tempo ou porque não dava prioridade. E, essa é uma outra linha, tênue e necessária: você se priorizar. Você é o personagem principal da sua história, você precisa olhar para dentro de você, cuidar de você, tirar tempo para você. A prioridade, no meu caso, era meus filhos e minha família, com o tempo veio a devida compreensão de que para eu realmente conseguir cuidar deles, precisava antes, cuidar de mim.  E, quanto mais feliz e realizada eu fico, melhor, eu consigo ajudar as pessoas que amo e dependem de mim.  E isso, faz toda a diferença. Alinhe-se! Escreva a sua história!

The following two tabs change content below.

Angelita Paixão

Master Coach certificada pela Sociedade Internacional do Mindset, cursou Programação Neurolinguística (PNL). Bióloga, empresária e escritora está trilhando sua transformação pessoal e focando também em ajudar o outro no seu crescimento pessoal.

Latest posts by Angelita Paixão (see all)

Post Author: Angelita Paixão

Master Coach certificada pela Sociedade Internacional do Mindset, cursou Programação Neurolinguística (PNL). Bióloga, empresária e escritora está trilhando sua transformação pessoal e focando também em ajudar o outro no seu crescimento pessoal.

Deixe uma resposta