As Coisas que Você Vê quando Você Desacelera

Quando tudo ao meu redor está indo rápido demais, eu paro e me pergunto: “O mundo é agitado ou será que é minha mente?”. Se você já se pegou assustado com a velocidade em que as coisas estão acontecendo e com esse ritmo frenético ao qual estamos conduzindo a nossa vida, pode ter certeza de que você não é a única pessoa que está observando tudo isso com certa estranheza.

Aliás, só o fato de fazer essa reflexão já demonstra um ponto extremamente positivo: você tem condições de fazer escolhas mais conscientes sobre como quer viver daqui pra frente. A grande verdade é que o mundo está viciado na aceleração e, muito provavelmente, muita gente não está se dando conta disso.

Queremos respostas rápidas, quase que instantâneas. Trabalhamos rápido, falamos rápido, comemos rápido, andamos mais rápido ainda. E, ao final de mais um dia, adivinhe!? Somos acometidos por aquela sensação de que não fizemos nada ou de que talvez daria para ter feito mais.

Não podemos e nem queremos saber tudo o que acontece, ficaríamos loucos com tantas informações. Precisamos desenvolver três inteligências para nosso próprio bem-estar: inteligência crítica, inteligência espírita e inteligência emocional.

Se, alguma delas é deixada de lado, irá atrapalhar o crescimento das outras duas. Se você desenvolver a inteligência crítica, mas negligenciar a inteligência emocional, não será sensível ao sofrimento alheio. Se desenvolver a inteligência emocional, mas negligenciar a inteligência espiritual, perderá a esperança ao ver o sofrimento do mundo. Se desenvolver a inteligência espiritual, mas negligenciar a inteligência crítica, poderá ser vítima de alguma seita. Acredito que é mais sobre como utilizamos o tempo, do que qualquer outra coisa, impondo certos limites, extremamente necessários, para o bem de nossa saúde física e mental.

Certa vez, Oprah Winfrey, disse uma frase que eu gosto muito: “A maior aventura que você pode realizar é viver a vida de seus sonhos”. Como não concordar com isso? E como fazer dessa aventura uma realidade? Só cabe a nós, não existe uma receita de bolo para alcançar esse objetivo. Sinceramente, eu recomendaria a inserção de alguma atividade que lhe proporciona prazer, todos os dias. Qualquer atividade que seja exclusivamente para você. Claro, nem preciso dizer que trabalhar não entra nessa conta, certo?

Quando estiver ocupado a ponto de se sentir constantemente perseguido, quando as preocupações tomarem conta da sua mente, quando o futuro parecer incerto e sombrio, quando estiver magoado com alguma coisa ou com algo que alguém falou; desacelere, mesmo que apenas por um momento. Traga toda a sua consciência para o momento presente e respire fundo. O que você está ouvindo? Quais são as sensações no seu corpo? Como está o céu?

Apenas quando desaceleramos é que finalmente vemos com clareza nossos pensamentos e nossa dor. Uma conversa em que você se dá a oportunidade de estabelecer uma conexão genuína com o outro, um café tomado com calma, sentindo cada nota, observando a fumaça que exala graciosamente da xícara ou até mesmo aquele momento em que você não está bem e assume, sem peso na consciência, que está tudo bem não estar bem, ainda que tudo pareça fora do lugar. Você pode começar ressignificando momentos simples como esses que eu citei acima. Pouco a pouco, vai sentir que tem as rédeas de sua vida e ela vai ganhando uma nova dimensão. Não é preciso nos esforçar para adquirir sabedoria. Em vez disso, ela surge naturalmente quando desaceleramos e percebemos o que já temos aqui.

The following two tabs change content below.

Lucimara Pereira

Coach pela Sociedade Internacional do Mindset, com Especialização em Lei da Atração, Mindset, Emagrecimento Definitivo e PNL Aplicada ao Coaching (Com Introdução a Hipnose).

Latest posts by Lucimara Pereira (see all)

Post Author: Lucimara Pereira

Coach pela Sociedade Internacional do Mindset, com Especialização em Lei da Atração, Mindset, Emagrecimento Definitivo e PNL Aplicada ao Coaching (Com Introdução a Hipnose).

8 thoughts on “As Coisas que Você Vê quando Você Desacelera

    Ester Franco

    (21 de fevereiro de 2021 - 9:37 pm)

    Não dá para abraçar o mundo com as mãos, novamente o tempo precisa ser aliado para estarmos no aqui e agora.

    Luiz Sá

    (14 de janeiro de 2021 - 11:20 am)

    Parabéns pelo artigo Lucimara.
    A visão sistêmica em essência realmente só acontece quando paramos, respiramos e nos permitimos viver o momento presente com atenção focada.

    Janete da Silva Corrêa

    (13 de janeiro de 2021 - 2:01 pm)

    Desacelerar mim mundo cm cada vez mais informação é muito importante .. Parabéns,,excelente artigo.

      Anônimo

      (16 de janeiro de 2021 - 2:39 pm)

      Parabéns muito bom seu artigo desacelerar e desenvolver as 3 inteligência emocional, espiritual e crítica gostei dessa reflexão vou levar pra vida, gratidão!

    Dercilia

    (13 de janeiro de 2021 - 12:24 pm)

    Muito Bom texto 👏👏👏Parabéns! ! Precisam ir realmente parar , observar , refletir e valorizar o que realmente tem valor na vida

    Meire

    (13 de janeiro de 2021 - 11:47 am)

    Parabéns , muito bom o seu artigo. Obrigada.

    Anônimo

    (13 de janeiro de 2021 - 11:34 am)

    Excelente. Muito importante pararmos um pouco para refletirmos sobre nossas vidas, assim como termos sempre alguns minutinhos dentro do nosso dia para avaliarmos o que estamos fazendo, para onde estamos indo e como estão nossas metas e objetivos.

    Rose Mary Sá

    (13 de janeiro de 2021 - 11:05 am)

    Parabéns pelo artigo! Excelente reflexão . Gratidão por compartilhar conosco.

Deixe uma resposta