Coaching funciona?

Algum dia atrás estava assistindo a uma live de um profissional do marketing que prega muito a questão do desenvolvimento pessoal, de pensar fora da caixa, de se diferenciar no mercado. Durante a explanação dele, uma frase me chamou atenção, enquanto ele dava dicas para abrir a mente: “Não estou aqui com papo de coach”.

Então eu fiquei refletindo sobre a situação e cheguei a conclusão de que provavelmente ele queria se desvincular da imagem do coach. Talvez pelo fato de que, infelizmente, o método do coaching tenha sido desvirtuado por um tempo, com o grande crescimento tido alguns anos atrás e tenha se gerado um preconceito de que coaching é só palestra motivacional, onde se colocam milhares de pessoas num salão de eventos e ficam mandando bater no peito e gritar, e assim você sai dali motivado e consegue todos os seus objetivos.

Confesso a vocês que eu tinha esse mesmo pensamento antes de conhecer o verdadeiro sentido do coaching, e vivenciar o quão poderoso ele pode ser. E por conhecer o método eu percebi que na verdade aquele profissional utilizava-se sim de ferramentas da Programação Neurolinguística (PNL), muito usada dentro dos processos de coaching.

Por isso resolvi escrever esse artigo para desmistificar que coaching não serve para nada ou que é balela como muitos pensam, e iniciaremos entendendo a origem do termo coaching.

O termo coach é uma palavra inglesa que se originou em uma cidade da Áustria chamada kcosi, lá se produziam as carruagens mais cobiçadas da época, as quais receberam o nome de kocsi szeker. Portanto, coach teve como primeiro significado a carruagem. Como elas levavam pessoas de um lugar a outro e muitas vezes, durante essas viagens, crianças eram ensinadas por servos, então passou-se a chamar coach aqueles que ensinavam ou os tutores da época.

Na segunda década do século XIX, passaram a chamar de coach os professores da Universidade de Oxford e depois os técnicos das modalidades esportivas.

Assim, o termo coaching significa levar pessoas ou empresas de um lugar para o outro, ou seja, do seu estado atual para o desejado.

Nós coaches temos o papel de auxiliar os coachees, que são aqueles que estão fazendo o processo, a atingirem o objetivo desejado e para isso utilizamos diversas ferramentas, sempre relembrando o porquê daquele desejo do coachee e mantendo a motivação. Agimos como guardiões do foco, para que a pessoa não se desvie ao longo do caminho.

Mas será que realmente funciona? Eu digo para vocês que sim, mas que depende de vocês.

Eu mesma fiz meu processo de coaching e para mim foi um divisor de águas na minha vida, abriu muito meus olhos e minha mente, me fez acreditar mais em mim mesma, me motivou a correr atrás dos meus sonhos e a não mais esperar que as coisas simplesmente aconteçam na minha vida.

A vida que você tem hoje é, única e exclusivamente, o reflexo de suas decisões e ações, nunca foi pelo externo que te aconteceu, sempre será pelo interno. A forma que você reage ao que te acontece é o que importa e não o fato em si.

O processo de coaching pode te ajudar tanto para um desenvolvimento pessoal quanto para o profissional, e muitas vezes eles estão interligados. Há aqueles momentos em que queremos tanto uma promoção, montar algum negócio, ou crescer o empreendimento que já temos e não conseguimos por motivos pessoais, de personalidade mesmo e de mentalidade. Algo que aprendi é que primeiro precisamos acreditar que aquilo é possível, estar preparado para depois se alcançar. Precisamos primeiro ser, depois agir, para depois ter.

Então se achou interessante e pensa que o processo de coaching pode te ajudar de alguma forma, entre em contato comigo, através do meu instagram @luanamonteiromorais, enviando um direct relatando que leu esse artigo, que você ganhará uma sessão gratuita para entendermos juntos se o processo de coaching também é para você.

The following two tabs change content below.

Luana Monteiro

Coach pela Sociedade Internacional do Mindset, graduada em Fisioterapia pela Unifor, pós graduada em Osteopatia Clínica pela Unicastelo e formação em Reeducação postural global – Rpg reposturarse. O seu trabalho tem como objetivo ajudar as pessoas a desenvolverem o seu Mindset, ressignificando crenças e acreditando em si, e a buscarem hábitos mais saudáveis focando na promoção da saúde.

Latest posts by Luana Monteiro (see all)

Post Author: Luana Monteiro

Coach pela Sociedade Internacional do Mindset, graduada em Fisioterapia pela Unifor, pós graduada em Osteopatia Clínica pela Unicastelo e formação em Reeducação postural global – Rpg reposturarse. O seu trabalho tem como objetivo ajudar as pessoas a desenvolverem o seu Mindset, ressignificando crenças e acreditando em si, e a buscarem hábitos mais saudáveis focando na promoção da saúde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.